domingo, 30 de julho de 2017

CONHECIMENTO NUNCA É DEMAIS I



Nessa semana, gostaria de abordar sobre a capacidade das pessoas de se manterem atualizadas.

Sem dúvida, há uma confusão entre inteligência e grau de escolaridade. Na minha opinião,  não necessariamente essas duas coisas estão relacionadas.

Ao longo de minha vida, me deparei com diversos perfis de pessoas:

OS "ACADÊMICOS" METIDOS A BESTA
Pessoas com alto grau de escolaridade, alguns até Doutores, mas eram medíocres, verdadeiros "chatos de plantão" e  se consideravam (por suas atitudes) pessoas melhores que as outras porque  haviam estudado e claramente  faziam distinção das pessoas (sinceramente sentia pena desses tipos).

OS "SEM FORMAÇÃO" INTELIGENTES E INTERESSANTES

Apesar de ter formação escolar básica,  tinham um poder de raciocínio e esperteza que me impressionava, capazes de conversar com qualquer nível de pessoa (sempre adorei conversar com eles).

OS "ACADÊMICOS" INTELIGENTES E INTERESSANTES

Pessoas preparadas com ótima formação  e bastante inteligente e eram simples, conversavam normalmente com qualquer um. (infelizmente é um perfil mais raro de encontrar).

OS "SEM FORMAÇÃO" e "SEM CONHECIMENTO"
Pessoas que não gostavam de aprender, estudar e  não se interessavam em melhorar...(infelizmente é um tipo fácil de encontrar).

Até já escrevi em outro post, sobre isso:
http://altemarketing.blogspot.com/2011/05/gosto-se-discute-ou-nao.html


Na verdade, observando cada tipo, pude perceber que a diferença que tornava um sábio medíocre ou um ignorante inteligente, era uma palavrinha chamada “conhecimento”. (eis, o segredo do grupo dos "SEM FORMAÇÃO" INTELIGENTES E INTERESSANTES).

Com conhecimento, era possível falar um pouquinho sobre cada assunto sem passar vergonha.

Uma vez, fui apresentado a uma pessoa que verbalizava bem sobre diversos temas, soube durante a conversa que essa pessoa não tinha feito nenhuma faculdade, mas que na verdade seu conhecimento vinha de “ gostar muito de ler, ouvir boa música, e se atualizar”.

Naquele dia, conclui que não bastava somente uma pessoa estudar era preciso também se interessar por coisas boas, leituras, boa música, etc, e se estudássemos e além disso, buscássemos esse conhecimento adicional, certamente seria um diferencial.

Por isso no meu caso,  mesmo  estudando um pouco (sempre quero mais) e por ser ignorante (no sentido de ignorar muita coisa), procuro  apreender e conversar com pessoas interessantes.

Aliás, diga-se de passagem,  sou da opinião que  tanto para homens como para mulheres, comprovadamente o “orgão sexual” que mais mexe com a libido do sexo oposto é o cérebro (mulheres inteligentes gostam de homens inteligentes e vice-versa).

Sendo assim, se você gosta de aprender e pensa como eu que “quanto mais a gente aprende, mas percebemos o quão ignorante nós somos, pois o universo do conhecimento é infinito”, claro que não vai se importar de receber algumas dicas, que lhe dará mais conhecimento além do que você já tem.

Gostaria então, de compartilhar com você,  alguns links que tem me ajudado no dia-a-dia:

REVISTAS SEMANAIS
Obs: Fácil de ler e resumido, ótimo para quem não tem muito tempo de ler jornal:


MÚSICA
Rádio Nova Brasil FM 89,7 MHz
OBS:  Essa rádio não toca música internacional, mas você  vai se surpreender com a qualidade de nossa música brasileira.  Vale muito como aprendizado de saber quem são nossos cantores. Detalhe: essa rádio  NÃO toca  FUNK, SERTANEJO, AXÉ, PAGODE, SAMBA, FORRÓ.
http://www.novabrasilfm.com.br/

ARTIGOS DIVERSOS:
Obs: basta digitar o tema
Obs: Obras consagradas de autores nacionais e estrangeiros
http://www.senado.gov.br/sf/biblioteca/default.asp

PALESTRAS DIVERSAS:
Obs: slides em Power point resumido com o tema que você procura

Inclusive, alguns desses links eu já havia mencionado em um outro post, que também tinha como tema a questão ENSINAR X EDUCAR, vale a pena, ler, dê uma passadinha por lá:


Fica aqui então as dicas, e quem sabe quando nos encontrarmos, possamos conversar sobre algum assunto interessante, não é mesmo?
 
um abraço

"ALTEMARKETING"

CONTATO:

E-mail:
 

Nenhum comentário: